Corram do Youtube / corram pro Youtube

Ainda me lembro do dia em que li a notícia sobre a chegada do Youtube Kids. Fiquei feliz e logo instalei no tablet que Cecilia divide conosco. Até que começamos a assistir juntas, porque aqui em casa Cecilia não assiste a nada pela primeira vez sozinha, e foi um show de horrores. A única diferença do YT normal para o YTK eram os vídeos rated-R ou XXX. O caos algorítmico era o mesmo, misturando conteúdos sem nenhuma identidade, apenas para nos forçar a consumir. Era assim que depois de uma Peppa tentavam nos enfiar Barbies e fadas e afins, sem que nunca tivéssemos clicado. O ápice foram os vídeos de faz de conta em que mãos manipulam brinquedos e mais brinquedos. Cansei.

Desinstalamos o Yutube Kids antes do ElsaGate explodir. Ainda bem.

Mas a verdade é que existem vídeos que queremos mostrar a Cecilia. Nosso método aqui é o seguinte:

  • Cecilia nunca fica desacompanhada no Youtube, seja na TV ou no tablet. Se não dá pra acompanhar a criança nessa tela, prefira outro aplicativo;
  • Desabilitamos a reprodução automática de vídeos;
  • Pedimos para Cecilia sair quando rola alguma publicidade que não dá para pular;
  • O login é meu, com uma playlist para ela; em geral só tocamos a playlist (criança não tem que ter conta digital, perfil digital; já bastam os outros rastros das vidas delas que deixamos aqui);
  • Há algumas categorias de vídeos proibidas: unboxing/unpacking; faz de conta com brinquedos ou “testes” de produtos; youtubers; paródias de desenhos animados.

Apesar de ser uma terra sem lei assustadora de coisas meio bizarras, como youtubers adultos que apelam ao público infantil e vendem revistas para crianças com jogos de casar/matar/trepar, tem coisas muito incríveis no Youtube. Hoje deixo o link de duas que amamos por aqui:

Desafio Serrapilheira: o Instituto Serrapilheira, instituição privada da família Moreira Salles que financia ciência no país, pediu a um monte de cientistas que expliquem o que fazem para crianças, como parte do esforço de divulgação científica que tem estado em foco nos últimos tempos. Há explicações para três níveis distintos de entendimento. Os resultados são ternos e, em alguns casos, engraçados. Nosso preferido é o da casca do ovo.

PS: podia ter animações.

Por que vemos colorido? from Universidade das Crianças on Vimeo.

Universidade das Crianças: projeto maravilhindo da UFMG (que acaba de sair em livro) que explica coisas incríveis do corpo e do mundo para as crianças. Ponto negativo é que os vídeos estão meio espalhados pela rede. No site do projeto os vídeos estão reunidos.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s